Uso de máscaras de “proteção” passa a ser obrigatório para os bandidos

Eu participei e participo de alguns comitês de segurança e tenho sempre como objetivo, a produção de conhecimento com inteligencia através do uso de dados das mais diversas fontes.

Desenvolvemos diversos indicadores de segurança em Dashboard BI, alguns deixamos públicos em qgsbi.com, e a maioria são direcionados para clientes que nos contratam.

Em um dos comitês de segurança em condomínios que participo, por conta da pandemia, recomendou e aprovou os decretos estaduais e municipais que obrigam a população o uso de mascaras.

Uma outra empresa nos contratou para criar e produzir um relatório de possíveis vulnerabilidades que podem sofrer por conta destes decretos.

De fato, é uma recomendação válida, mas como trabalhamos com dados, inteligência e números, vamos a eles:

Todos sabem que os números de profissionais de aplicativos de delivery, aumentou absurdamente, tem empresas que dobraram ou até triplicaram de tamanho, e isso é bom, pois todos precisam trabalhar.

Busque no google: aumento de profissionais aplicativos de entrega

Estamos produzindo um relatório com números de alguns estados e já podemos visualizar que no RJ, o aumento de roubos de comércios em geral, condomínios residências, entre outros, bandidos também se aproveitam deste decreto se utilizando de máscaras para se ocultar dos sistemas de CFTV e procedimentos de segurança em geral.

Ao falar de condomínios residências, recebemos dois casos que a própria administração do condomínio solicitou que visitantes e entregadores de mercadorias e delivery estavam sendo obrigados ou “orientados” a usar máscaras para acessar as dependências do condomínio, isso antes mesmo dos decretos estaduais ou municipais saírem estabelecendo o uso como obrigatório.

Claro que ao solicitar comida por um aplicativo queremos sempre crer que o profissional (entregador) é de boa índole e que vai sempre fazer seu trabalho da melhor forma possível, porém, infelizmente sabemos que marginais se reinventam diariamente e sempre se aproveitam de brechas para cometer seus crimes.

Ao estabelecer um procedimento, seja ele qualquer, é preciso analisar os riscos com base em números reais, dados concretos, pois Informação baseada em dados precisa ser a base de tudo para mitigar os riscos. #qgsbi

Autor: Davidson Veiga CIO QG Security (linkedin)

 

1 comentário


  1. Parabéns pelo post!

    O controle precisa ser sempre bem avaliado por profissionais de segurança com base em estratégia e dados.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × 3 =